Conheça e curta a nossa
página no Facebook!


. Artigos
. Notícias sobre saúde
. Informações sobre nossos cursos

Newsletter


Receba as nossas notícias e novidades em seu email:

Avaliação Institucional

A AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

Após a criação do Sistema Nacional de Avaliação Superior (SINAES), com a Lei nº10.861 de 2004, os processos avaliativos das Instituições de Ensino Superior (IES) ganharam um excelente instrumento global de avaliação: a Avaliação Institucional. Este instrumento permite que as IES possam conhecer melhor sua própria realidade e buscar elementos que permitam seu constante aprimoramento.
A Avaliação Institucional compreende dois processos distintos, porém complementares: a Avaliação Externa, realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) órgão vinculado ao Ministério da Educação, e a Avaliação Interna, ou Autoavaliação, realizada pela própria Instituição, por meio da sua Comissão Própria de Avaliação.

A AVALIAÇÃO INTERNA

A Avaliação Interna da FACIS é um importante instrumento de autoconhecimento da instituição. Esta avaliação se baseia no pressuposto de que todo processo avaliativo tem por objetivo o aprimoramento e autoconhecimento do avaliado, e não sua punição ou prêmio. Orientada pelos princípios da transparência, da ética e da cooperação entre os diferentes seguimentos da FACIS, a Avaliação Interna procura identificar tanto as fragilidades da instituição, a fim de eliminá-las, quanto também seus pontos fortes, com o objetivo de potencializá-los.
Todo o processo avaliativo interno da FACIS é amplamente divulgado dentre os diferentes seguimentos que a compõe. Isto auxilia o constante processo de revisão das ações institucionais, na medida que incentiva a participação de toda a comunidade na proposição de críticas e sugestões. 

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACIS

A Comissão Própria de Avaliação da FACIS, ou simplesmente CPA-FACIS, é um colegiado composto por membros dos corpos discente, docente e técnico-administrativo da instituição e também por representantes da sociedade civil. 
A CPA-FACIS possui autonomia em relação aos outros órgãos, conselhos e comissões da FACIS, mas trabalha de maneira integrada com eles. Dentro dos princípios, da missão e dos objetivos da instituição, tem como deveres os de organizar e conduzir os processos de avaliação internos da instituição, bem como divulgá-los e disponibilizá-los à toda a comunidade FACIS e aos órgãos de avaliação externa.
Neste sentido, a participação de toda a comunidade da FACIS é constante e presente. Sempre participando dos processos autoavaliativos, coloca críticas e sugere melhorias, sempre com o objetivo de auxiliar a instituição a atingir excelência em todas as suas atividades, em um ambiente de esforço comum, cooperativo e solidário.
A FACIS criou sua Comissão Própria de Avaliação em 2008 e desde então preoucupa-se em conhecer as diferentes facetas que constituem a vida da faculdade, em todos os seus aspectos. Esta leitura crítica da sua realidade, considerando suas potencialidades e fragilidades, permite a CPA-FACIS fornecer aos gestores da instituição elementos que possibilitem a tomada de decisões para o aperfeiçoamento institucional, aos demais seguimentos da comunidade fornece um retrato acurado e preciso da realidade da FACIS, que subsidia a proposição de melhorias e à sociedade em geral permite mostrar a relevância local da instituição e suas diversas potencialidades, principalmente as ações de extensão e de prestação de serviços à toda a sociedade.

Questionário CPA 2016 - Clique aqui

Os relatórios e resultados de todos os processos de Avaliação Interna podem ser consultados no link: www.facis.edu.br/relatorio-cpa-1-2016